top of page

A cougar (Puma concolor) inhabits our project area!



Look at what the Lifeplan project cameras have captured in our forests this time!


Yes! We are proud to announce that our project area is part of the habitat of a Puma concolor!


The cougar, scientifically known as Puma concolor, also recognized by names like puma, mountain lion, or panther, is a substantial feline species native to the Americas. It holds the second position in terms of size, following the more robust jaguar (Panthera onca).


Differing from the so-called "true" big cats, cougars are slightly smaller and lack the vocal capacity to produce roars, which distinguishes them from lions, tigers, leopards, and jaguars.


This adaptable and versatile species can be found across various American habitats, with a preference for environments containing thick undergrowth and rocky terrain, suitable for stealthy stalking. However, they can also inhabit more open areas.


Cougars are predominantly solitary creatures, demonstrating a tendency towards nocturnal and crepuscular activity, though daylight sightings are not uncommon.


Functioning as ambush predators, cougars pursue a wide array of prey, with a primary focus on ungulates, particularly deer, while also preying on smaller creatures like rodents.


These territorial animals maintain low population densities, with individual home ranges contingent upon factors such as the landscape, vegetation, and prey availability.


Unfortunately, the combination of intensive hunting and human encroachment into cougar habitats has led to declining populations in most regions that were once part of their historical range.

 

[PORT]


Veja o que as câmeras do projeto Lifeplan capturaram em nossas matas desta vez!


Sim! Temos o orgulho de anunciar que nossa área de projeto faz parte do habitat de um Puma concolor!


O puma, cientificamente conhecido como Puma concolor, também conhecido por nomes como puma, leão-da-montanha ou pantera, é uma espécie de felino nativa das Américas. Ele ocupa a segunda posição em termos de tamanho, depois da onça-pintada (Panthera onca), que é mais robusta.


Diferente dos chamados grandes felinos "verdadeiros", os pumas são um pouco menores e não têm a capacidade vocal de produzir rugidos, o que os distingue dos leões, tigres, leopardos e onças.


Essa espécie adaptável e versátil pode ser encontrada em vários habitats das Americas, com preferência por ambientes com vegetação rasteira densa e terreno rochoso, adequados para perseguições de presas. Entretanto, eles também podem habitar áreas mais abertas.


Os pumas são criaturas predominantemente solitárias, demonstrando uma tendência à atividade noturna e crepuscular, embora avistamentos à luz do dia não sejam incomuns.


Funcionando como predadores de emboscada, os pumas perseguem uma grande variedade de presas, com foco principal em ungulados, especialmente veados, mas também em criaturas menores, como roedores.


Esses animais territoriais mantêm baixas densidades populacionais, com áreas de residência individuais que dependem de fatores como a paisagem, a vegetação e a disponibilidade de presas.


Infelizmente, a combinação da caça intensiva e da invasão humana nos habitats dos pumas levou ao declínio das populações na maioria das regiões que antes faziam parte de sua área de distribuição histórica.


15 views0 comments

Related Posts

See All
bottom of page